segunda-feira, 22 de outubro de 2012

PROMOÇAO DA SEMANA....

CHUVEIRO THERMOSYSTEM  R$ 79,90



LAMPADA ECONOMICA LDU 25W 127V R$ 8,90


DICA DO DIA........


Olá pessoal, hoje vamos aprender a fazer a instalação de um interruptor intermediário.
Tal instalação destina-se a controlar uma lâmpada a partir de três ou mais pontos diferentes.
Vamos imaginar a necessidade de uma lâmpada no meio de um corredor, de forma que o usuário possa controlá-la no início, no meio e no final desse corredor. Para isso será necessário utilizar dois interruptores paralelos e umintermediário.
O interruptor intermediário também é conhecido como 4-way (four way), e sua ligação é baseada apenas empares de retorno.
Em nosso exemplo, serão usados dois pares de retorno para ligar o interruptor intermediário, ou seja, quatro fios de retorno.
Dois retornos virão de um interruptor paralelo e outros dois retornos virão do outro interruptor paralelo.
É possível que, de acordo com a necessidade, o eletricista coloque não apenas três, mas quatro, cinco ou mais pontos de controle (interruptores) da lâmpada. A lógica de ligação será sempre a mesma, desde que sejam acrescentados outros interruptores do tipo INTERMEDIÁRIO.
A ligação do restante da instalação é a mesma para interruptores paralelos, onde em um será ligado o retorno da lâmpada e no outro será ligado o fio fase do circuito.

quarta-feira, 17 de outubro de 2012

FELIZ DIA DOS ELETRICISTA...........

O LIGA TUDO PARABENIZA A TODOS ELETRICISTA PELO SEU DIA DESEJAMOS A TODOS ELETRICISTAS UM OTIMO DIA E MUITA FELICIDADES E MUITO TRABALHO PARABENS  A TODOS.....



sexta-feira, 5 de outubro de 2012

terça-feira, 2 de outubro de 2012

SABADO IMPERDIVEL FEIRAO NO LIGA TUDO

SABADO DIA 06/10/2012 ACONTECERA MAIS UM FEIRÃO NO LIGA TUDO COM PRODUTOS COM ATE 50% DE DESCONTO IMPERDIVEL............



PROMOÇAO DA SEMANA....

PROMOÇAO DE LAMPADA ECONOMICA FOXLUX 
LAMPADA FOXLUX 15W 127V R$ 6,90
LAMPADA FOXLUX 20W 127V R$ 7,90



segunda-feira, 1 de outubro de 2012

O PERIGO DOS RAIOS

Só neste ano, 24 pessoas morreram devido a raios no Brasil -dez no Nordeste, oito no Sudeste, quatro no Sul e duas no Norte.
"A quantidade [de vítimas] deve aumentar em março, mês em que o volume dos temporais costuma ser maior", afirma Osmar Pinto Junior, coordenador do Elat (Grupo de Eletricidade Atmosférica) do Inpe.
Apesar de alto, o número não supera o registrado no mesmo período do ano passado, quando houve 31 mortes entre janeiro e fevereiro -2008 bateu o recorde da década em mortes por raios, afirma um estudo do grupo de pesquisa do Inpe.
Foram, ao todo, 75 mortes no ano passado, aumento de 60% com relação a 2007, quando 47 pessoas morreram devido aos raios. O recorde anterior é de 2001 -73 mortes tiveram como origem descargas elétricas causadas por chuvas.
O motivo é o fenômeno La Niña, que causou aumento no número de tempestades com raios em quase todas as re giões do país, explica Osmar.
O La Niña, segundo o pesquisador, se caracteriza pelo resfriamento do oceano Pacífico na altura de países como o Chile e o Peru. "Isso afeta a circulação atmosférica na América do Sul e no Brasil, o que facilita a formação de temporais", diz. O fenômeno, informa Osmar, está previsto para durar até maio.
O Sudeste foi a região campeã em raios no ano passado (39% do total), seguido do Nordeste (32%). Segundo o pesquisador, cerca de 60 milhões de raios atingiram o território brasileiro em 2008 -número que deve se repetir neste ano.
Só no Estado de São Paulo, 20 pessoas morreram no último ano -quase três vezes mais do que no Ceará, segundo Estado no ranking.
De cada três mortes ocorridas por raios no último ano, uma foi de um homem adulto que vive ou trabalha no campo, afirma o pesquisador.
"A desinformação é a maior inimiga na área rural. É perigoso segurar objetos metálicos, como enxadas, em campo aberto durante um temporal."

PRECAUÇÃO
FILTRO DE LINHA E TOMADA DE TRÊS PINOS PROTEGEM CONTRA RAIOS 

Pode estender garfo, se enfiar na banheira ou fazer qualquer outro tipo de simpatia. Especialistas garantem que, para proteger equipamentos domésticos contra descargas, só mesmo filtro de linha de boa qualidade e tomada de três pinos com aterramento. A outra solução, mais radical, é tirar tudo da tomada. Com exceção dos prédios mais novos, ter para-raios ajuda a proteger o prédio, não os equipamentos domésticos. Paulo Rewald, diretor de Instalações do Secovi (sindicato da habitação), disse que todos os imóveis de São Paulo, à exceção das casas, têm obrigatoriamente para-raios. O que também não quer dizer que um raio nunca caia duas vezes no mesmo lugar. "Tem muitos casos de raios caírem em uma mesma edificação mais de uma vez", afirmou.

24 HORAS DE INFORMAÇÃO